Farmácia Mais Saúde em Timbaúba e Vicência

Farmácia Mais Saúde em Timbaúba e Vicência

SERGIO SAT Segurança Eletrônica, Climatização e Antenas Fone: (81) 99228-9637 Rua Nova, Timbaúba

SERGIO SAT Segurança Eletrônica, Climatização e Antenas Fone: (81) 99228-9637 Rua Nova, Timbaúba

Criativa Timbaúba e Goiana / Fone: 3631-0481

Criativa Timbaúba e Goiana / Fone: 3631-0481

Mcell Tudo Para Seu Celular - Timbaúba Fone: 9 9191-9999

Mcell Tudo Para Seu Celular - Timbaúba Fone: 9 9191-9999

KS GAMES - A loja de Games e Eletrônicos em Timbaúba / Tel. 3631-2771

KS GAMES - A loja de Games e Eletrônicos em Timbaúba / Tel. 3631-2771

J.W. Refrigeração Timbaúba-PE

J.W. Refrigeração Timbaúba-PE

CARECA AUTO CENTER TIMBAÚBA

CARECA AUTO CENTER TIMBAÚBA

W.S. Eletrônica: Wagner

W.S. Eletrônica: Wagner

Galeto Chinês do Jailton.Ligue agora 3631-1522

Galeto Chinês do Jailton.Ligue agora 3631-1522

DanFest Timbaúba: Sua Festa Mais Bonita

DanFest Timbaúba: Sua Festa Mais Bonita

Eletrônica Andrade: Adelmo Andrade

Eletrônica Andrade: Adelmo Andrade

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Chuva forte volta a assustar moradores após enchentes na Zona da Mata de PE

·   0

Com mais de 55 mil pessoas fora de casa, por causa das inundações na Zona da Mata e no Agreste de Pernambuco, as chuvas voltaram a assustar os moradores de diversas cidades, nesta quarta-feira (31). Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), até as 8h, já havia chovido cerca de 20 milímetros em Sirinhaém, e 16 mm em Ipojuca e em Ribeirão, que são algumas das 24 cidades com situação de emergência reconhecida pelo governo federal. Na terça-feira (30), a Apac havia emitido um alerta para chuvas moderadas a fortes Zona da Mata e no Grande Recife. 
A chuva deixou em alerta os órgãos de Defesas Civil e aqueles que já enfrentavam dificuldades para recuperar o que a água levou. Em muitas cidades afetadas pelas enchentes, ainda não foi restabelecido o sistema de abastecimento de água e, em regiões mais próximas dos rios que cortam os municípios, a energia elétrica também não voltou.
Em Gameleira, na Mata Sul do estado, a maioria dos moradores só conseguiu voltar para casa na terça-feira (30), mas passar a noite nas residências foi outro desafio. No município, onde choveu mais de 12 milímetros, apenas nesta quarta-feira, duas mil pessoas ainda estão em abrigos.
Coordenador da Defesa Civil de Gameleira, o coronel Severino Ramos explicou que algumas áreas rurais do município ainda estão completamente isoladas. "Na terça, conseguimos barcos do Corpo de Bombeiros, para chegar a algumas comunidades. Fizemos o socorro de um acidentado que estava ilhado. Várias pontes que ligam a área rural à urbana foram destruídas”, disse.
     Do: G1 PE

Comente com o Facebook: